Paletes: Tipos e Dimensões Mais Comuns

No mundo da logística, as paletes desempenham um papel crucial. São elas que garantem que mercadorias seja transportadas de forma segura, eficiente e ordenada. Se trabalha em logística, ou se simplesmente tem curiosidade sobre o tema, continue a ler este artigo onde vamos explorar os diferentes tipos de palete e as suas dimensões mais comuns.


Uma Breve História

Antes de mergulharmos nos detalhes, vale a pena perceber de onde surgiram as paletes. A sua origem remonta ao início do século XX, mas foi durante a Segunda Guerra Mundial que o seu uso se popularizou. A necessidade de transportar grandes quantidades de material de forma eficiente levou à sua massificação.


Os Diferentes Tipos de Paletes

Paletes de Madeira: A mais comum no mercado. A sua popularidade deve-se, em grande parte, à sua resistência e versatilidade. Quando bem cuidadas, podem ser reutilizadas várias vezes, o que ajuda também na sua sustentabilidade.

Paletes de Plástico: Estas destacam-se pela durabilidade e resistência à humidade. São frequentemente escolhidas para transportar alimentos e produtos farmacêuticos, já que são mais fáceis de limpar.

Imagem de Paletes de Plástico
Palete de Plástico

Paletes de Metal: Fortes e robustas, estas paletes são normalmente feitas de aço ou alumínio. São a opção ideal para cargas pesadas ou produtos que necessitam de uma proteção extra.

Imagem de Palete de Metal

Paletes em Fibras de Madeira: Mais leves e ecológicas, são adequadas para cargas menos pesadas e têm a vantagem de ser facilmente recicladas.

Palete de Fibras de Madeira

Dimensões Comuns: Uma Análise Detalhada

Quando nos referimos à logística e armazenamento, o tamanho importa – e muito. No caso das paletes, entender as dimensões padronizadas torna-se fundamental para otimizar o transporte de mercadorias e garantir que o espaço em armazéns e veículos de transporte seja usado eficientemente. Vamos aprofundar o tema e explorar as dimensões mais comuns e a sua aplicação prática.


1. Paletes Europeias (EUR-EPAL):

  • Dimensões: 1200 x 800 mm
  • Características e Uso: Esta é a palete padrão usada na Europa, conhecida como “Euro”. A designação “EPAL” refere-se à associação que garante a qualidade e padrões destas paletes. São frequentemente utilizadas em comércios e indústrias devido à sua robustez e adaptabilidade a diversos produtos. Seu tamanho permite que se ajustem perfeitamente em camiões e contentores padrão europeus.
Imagem de uma Euro Palete

2. Paletes Norte-Americanas:

  • Dimensões: 1219 x 1016 mm ou 48 x 40 polegadas.
  • Características e Uso: Predominantemente utilizadas nos EUA, são geralmente fabricadas para suportar cargas mais pesadas, comuns nas indústrias norte-americanas. A sua dimensão foi otimizada para encaixar perfeitamente em camiões americanos.
Imagem de Palete Americana

3. Paletes ISO:

Dentro das normas ISO, existem vários tamanhos padrão reconhecidos internacionalmente:

  • 1219 x 1016 mm (América do Norte): É a mesma dimensão da palete norte-americana, otimizada para os padrões de transporte da região.
  • 1000 x 1200 mm (Europa e Ásia): Este tamanho é comum em países asiáticos, bem como em algumas áreas da Europa. Proporciona um equilíbrio entre capacidade de carga e adaptabilidade a espaços de armazenamento.
  • 1100 x 1100 mm (Ásia): É amplamente utilizada em países asiáticos, em especial no Japão. A sua dimensão foi otimizada para a logística e armazenamento na região.

4. Paletes Australianas:

  • Dimensões: 1165 x 1165 mm.
  • Características e Uso: Como o nome indica, são o padrão na Austrália. São projetadas para se ajustar eficientemente aos padrões de transporte e armazenamento do continente australiano.

Porquê estas Dimensões?

A padronização das dimensões das paletes visa maximizar a eficiência, facilita o empilhamento, armazenamento e transporte. Além disso, otimiza-se o espaço nos veículos de transporte, o que pode resultar em economias significativas, especialmente em operações de grande escala.

Ao escolher uma palete, é crucial considerar não apenas a sua dimensão, mas também o material de que é feita, o peso que pode suportar e, claro, o tipo de mercadoria que irá transportar. Cada detalhe conta quando o objetivo é otimizar a logística e garantir que as mercadorias cheguem ao seu destino em perfeitas condições.


A Importância da Escolha Correta

Não se trata apenas de escolher uma palete que “pareça” adequada. Uma escolha errada pode resultar em danos nas mercadorias, custos adicionais e ineficiências no transporte. Ao compreender os diferentes tipos e dimensões, garante-se que cada envio seja eficiente e seguro.


Conclusão

As paletes são, sem dúvida, pilares da logística moderna. Ao conhecer os diferentes tipos e dimensões, as empresas podem fazer escolhas informadas que beneficiam não só a sua operação, mas também o ambiente.